Nova lei de trânsito: conheça as principais mudanças

A nova lei de trânsito Lei nº 14.071/2020 trouxe várias mudanças nas regras de trânsito. Uma delas é a obrigatoriedade do uso de farol baixo durante o dia nas estradas do nosso país. Antes, os condutores não tinham que acender os faróis nas rodovias brasileiras, mas agora é necessário deixá-los ligados em trechos de neblina, túneis e pistas simples não situadas em áreas urbanas.

As motocicletas devem manter o farol acesso em tempo integral. Mas existem outras alterações significativas. Neste artigo, vamos descrever quais são as principais mudanças da nova lei de trânsito e ressaltar por que é importante estar atento a elas. Aqui, você vai descobrir dicas sobre as novas regras que entraram em vigor e obter diversos detalhes importantes para os condutores.

Deseja entender as alterações da nova lei de trânsito? Continua a sua leitura!

Saiba quando a nova lei de trânsito entrou em vigência

As novas regras passaram a ter vigência no dia 12 de abril de 2021, embora a lei tenha sido publicada em outubro de 2020 para alterar o Código de Trânsito Brasileiro (CTB). A norma trouxe várias novidades, modificou as competências dos órgãos do Sistema Nacional de Trânsito e alterou os procedimentos para obtenção e renovação da Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

Entenda as principais mudanças da lei de trânsito

Houve uma alteração interessante para fazer o licenciamento dos veículos. Antes da nova lei, não era possível licenciar um automóvel com multas em aberto ou débito fiscal pendente. Agora, o carro não poderá ser licenciado se ele precisar de troca de pneus, manutenção e reparos que não forem feitos há mais de 24 meses. Veja a seguir outras mudanças consideráveis nas regras!

1. Limite de pontos

Com a nova legislação de trânsito foi sancionada a chamada lei dos 40 pontos. Isso significa que há uma divisão conforme a quantia de infração gravíssima para a suspensão da habilitação do motorista. Por exemplo, a CNH será suspensa com apenas 20 pontos se no período de 1 ano for cometida 2 ou mais infrações gravíssimas.

O condutor terá a CNH suspensa ao fechar 30 pontos se houver 1 infração gravíssima dentro de 1 ano. Por fim, a suspensão acontecerá quando o motorista atingir 40 pontos sem cometer qualquer infração gravíssima no período de 12 meses. Essa regra já está sendo aplicada e todos os pontos agora entram nas novas regras sancionadas pelo Presidente da República.

2. Suspensão do direito de dirigir

De acordo com as regras anteriores, a aplicação da suspensão do direito de dirigir era dos órgãos de trânsito do Distrito Federal e dos Estados. A partir da entrada em vigor da nova lei, o processo para suspender a CNH deve iniciar juntamente do procedimento de aplicação da penalidade pecuniária por quem aplicou a multa.

Sendo assim, os órgãos executivos rodoviários e os municipais, bem como a Polícia Rodoviária Federal, podem aplicar a suspensão do direito de dirigir conforme a penalidade atribuída à infração realizada. Porém, se o direito de dirigir for suspenso em decorrência de ser atingido o limite de pontos, os órgãos executivos estaduais continuam sendo responsáveis pelo processo.

3. Validade da CNH

A validade da Carteira de Habilitação foi alterada pela nova lei. Ficou estabelecido que os motoristas com mais de 70 anos terão a sua CNH válida durante 3 anos. Os motoristas que estejam entre 50 e 70 anos terão o documento válido por 5 anos. Os condutores com até 50 anos de idade receberão CNH com validade de 10 anos.

Essa regra vale para os documentos emitidos após a data em que a nova lei começou a vigorar. Portanto, as CNHs emitidas antes de 12 de abril de 2021 continuam válidas conforme as datas nelas indicadas. Também não é mais obrigatória a realização de aulas práticas de direção em período noturno.

4. Prazos para exame de aptidão

Condutores habilitados recebem prazo ampliado para o exame de aptidão física e mental. A avaliação já não precisa ser renovada a cada 5 anos, exceto para os motoristas com mais de 65 anos. Aqueles que têm até 49 anos poderão realizar o referido exame a cada 10 anos, com 50 até 69 anos o limite é de 5 anos e 3 anos para quem tem 70 anos ou mais.

O perito examinador pode requerer a diminuição desses prazos se perceber sinais de deficiência mental, física ou de enfermidade que reduza a capacidade de dirigir. Os Departamentos de Trânsito têm a obrigação de enviar aos condutores um aviso 30 dias antes de vencer a validade da CNH utilizando o meio eletrônico para sinalizar a necessidade de renovação.

5. Uso da cadeirinha

As regras sobre o uso da cadeirinha para crianças também foram modificadas. O equipamento continua no banco traseiro, todavia, a obrigatoriedade de utilização vai além dos 7 anos e 6 meses de idade. A nova lei determinou que é obrigatório usar a cadeirinha para crianças de até 10 anos que tenham menos de 1,45 m de altura.

Se essa regra for descumprida, o condutor fica sujeito a multa gravíssima. O equipamento de retenção deve ser apropriado para a altura, peso e idade da criança. Por outro lado, está proibido o transporte de crianças menores de 10 anos em motocicletas porque elas não têm condições de se manter em segurança.

6. Infrações e penalidades

Algumas infrações tiveram a sua natureza alterada. A ausência de comprovante de resultado negativo de exame toxicológico para condutores das categorias C, D ou E configura infração gravíssima com multa e suspensão do direito de dirigir por 90 dias. O prazo para indicar o condutor responsável pela infração foi ampliado para 30 dias após o recebimento da notificação.

Enfim, agora você já conhece as 6 principais mudanças da nova lei de trânsito! É importante estar atento a essas mudanças para aproveitar os benefícios que as novas regras trouxeram para os motoristas e diminuir os gastos. Outro motivo para prestar atenção nas alterações é a prevenção para não arriscar ter o direito de dirigir suspenso.

Gostou deste conteúdo? Então, curta a nossa página no Facebook e acompanhe todas as nossas publicações para se manter bem informado!

Chamadas sociais

Gostaria de saber quais são as principais mudanças da nova lei de trânsito? Confira este conteúdo!

Quer entender por que é importante estar atento a nova lei de trânsito? Leia este artigo e descubra!

Deseja compreender quando a nova lei de trânsito entrou em vigência? Leia este posto agora mesmo!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Ops! Captcha inválido, por favor verifique se o captcha está correto.

Fale o que você pensa