Para o Mecânico

Tudo que você precisa saber para comprar peças online e não errar!

Homem fazendo compras de peças online

Cada vez mais presente na vida dos brasileiros, a internet está mudando a forma como empresas, dos mais variados setores e tamanhos, fazem negócios, inclusive no mercado automotivo. Mas você ainda tem certa resistência para comprar peças online, não é? Pois saiba que esse pode ser o diferencial para fidelizar seus clientes e aumentar o faturamento.

A variedade maior de fornecedores e o acesso a fabricantes distantes, nacionais e do exterior, são apenas algumas das vantagens que a compra online proporciona. Seus desdobramentos incluem a aquisição de peças de reposição de melhor qualidade e a redução de custos.

Quer saber mais sobre os benefícios de adquirir componentes automotivos pela internet? Então continue a leitura deste post, pois tiraremos todas as suas dúvidas e daremos as melhores dicas para você fazer compras com segurança!

É confiável comprar peças online?

A primeira preocupação que nos vem à cabeça quando pensamos em uma compra online é com a segurança. E isso é compreensível. Afinal, tudo é feito à distância, não vemos o vendedor e nem temos um balcão para reclamar se algo der errado.

Além disso, é preciso fazer o pagamento ou fornecer os dados de cobrança para só então receber as mercadorias. Como se não bastassem as notícias sobre golpes pela internet, não sabemos qual a qualidade das peças até que elas cheguem, certo?

Não é bem assim. O receio de fazer pagamentos online é justo e muito importante para estar sempre alerta a tentativas de golpes. Mas, hoje em dia, com a quantidade de empresas sérias que voltaram-se para o comércio eletrônico, a segurança e a confiabilidade dos sistemas ficam maiores a cada dia.

Ou seja, conforme o mercado online aumenta de tamanho, maiores são os investimentos para que os trâmites sigam sem surpresas desagradáveis para seus clientes. Assim, já podemos dizer que comprar em uma loja virtual é tão seguro quanto em lojas físicas.

A confiança é o maior patrimônio de uma loja online

A preocupação com a qualidade dos produtos também é legítima. Assim como com o cumprimento dos prazos de entrega e o atendimento pós-venda para qualquer problema que possa ter sido encontrado.

No entanto, é preciso entender que esses são os maiores medos de quase todos os consumidores. Por isso, para uma loja virtual, a confiança gerada nos clientes é seu maior patrimônio, pois ela só conseguirá aumentar seu volume de vendas partindo de avaliações positivas e baixos índices de reclamações.

Sendo assim, um comércio eletrônico com reputação ruim está, praticamente, falido. Afinal, ele só poderia mudar sua imagem com novas vendas que fossem bem avaliadas. Porém, poucos compradores se arriscarão a negociar com uma empresa que não tenha se mostrado confiável em outras oportunidades, mesmo praticando preços mais baixos ou oferecendo promoções.

Tudo isso serve para demonstrar que a compra online é bastante confiável se realizada em lojas com bons históricos e que ofereçam ambientes seguros em seus sites para a realização dos pagamentos.

Mas como ter essas informações? Como saber se a empresa é confiável? Se você também fez essas perguntas, siga para o próximo tópico, pois daremos as dicas mais eficazes para garantir a segurança da sua compra!

Quais são as melhores dicas para comprar com segurança?

Como em qualquer negociação, a compra online envolve certos riscos, principalmente para quem não está acostumado a lidar com lojas virtuais. Mas isso é normal, e somente com o hábito é que se torna um processo natural, como fazer movimentações bancárias no caixa eletrônico ou pedidos de peças por telefone.

No entanto, é possível evitar problemas se informando sobre métodos para garantir que seus pagamentos sejam feitos com segurança, e que os produtos adquiridos sejam exatamente os que você procurava.

Para ajudar nessa tarefa, separamos abaixo as melhores dicas para comprar peças online com tranquilidade.

Pesquise a reputação da loja

Sempre dê preferência para lojas que tenham uma boa reputação já consolidada na internet. Hoje em dia, está muito mais fácil descobrir isso, pois existem diversos sites de avaliação de empresas, como o da TrustedCompany.

Ainda, no próprio Google, maior buscador da internet, uma boa parte das lojas tem avaliações e comentários. Também é interessante consultar o Reclame Aqui e o Consumidor.gov.br, ambos sites de reclamações de consumidores, muito úteis para ver se a empresa teve queixas registradas e se as resolveu de forma satisfatória.

Verifique a descrição do produto

Quanto mais detalhada a descrição do produto, maior é a certeza de que você está comprando a peça certa. Além disso, somente fornecedores sérios terão o trabalho de inserir o máximo de informações possíveis em seu site para vender a mercadoria que o cliente realmente precisa.

Verifique se a descrição apresenta o modelo da peça, o fabricante, o código original, a lista de aplicação (contendo montadora, modelo, ano de fabricação e motor), o prazo de garantia e as medidas, se for o caso.

Veja se a empresa fornece o CNPJ

Toda loja virtual também precisa ser legalizada, emitir notas fiscais, declarar Imposto de Renda e pagar tributos. Para isso, é necessário que ela esteja inscrita no Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas, o CNPJ.

O número do registro no CNPJ deve ser informado no site. Se você não conhece o fornecedor, é interessante fazer uma consulta no site da Receita Federal para saber se as informações são compatíveis e se o cadastro dele está regular.

Confira as opções de contato

Quanto mais opções de contato com a empresa, melhor. Veja se são disponibilizados telefone, endereço, página com formulário e e-mail. Se houver um chat para falar diretamente com um atendente pelo próprio site, melhor ainda.

Fazer uma ligação para tirar alguma dúvida e conferir se o serviço de atendimento funciona é sempre uma boa ideia para conhecer a loja.

Procure pelos selos de segurança

Empresas comprometidas com a satisfação dos clientes buscam formas de garantir sua segurança e demonstrá-la. Por isso, contratam serviços de auditoria externa da vulnerabilidade do seu sistema.

Assim, logo na página inicial do site de vendas online são exibidos os selos e certificados de verificação, mostrando que o ambiente é seguro. A autenticidade dos selos pode ser conferida com um clique sobre eles.

Mesmo tomando todos os cuidados, é possível, ainda assim, receber uma peça que não condiz com as especificações que foram informadas no momento da venda. Portanto, é essencial se certificar de que o produto comprado é original.

Mas você sabe diferenciar uma peça original de uma falsa? No tópico a seguir mostraremos como fazer essa verificação. Confira!

Como identificar uma peça falsa da original?

Em uma compra online, pode acontecer da peça recebida ser uma cópia de menor qualidade da que foi realmente comprada. Ou seja, uma falsificação.

Às vezes, é por ignorância do próprio fornecedor, que já recebeu o componente falso sem perceber. Em outros casos, é por má intenção da empresa, tentando lucrar sobre o desconhecimento dos clientes acerca das características do item original.

Portanto, é preciso ter atenção ao receber a mercadoria, conferindo se não foram enviadas peças automotivas falsificadas. Quer saber como fazer isso? Então, veja abaixo alguns dos elementos que devem ser observados.

Número de série

Na maioria das vezes, as peças falsas não apresentam numeração impressa. Em outros casos, elas contêm um número diferente ao da embalagem ou ao da peça original.

Essa é uma das características mais marcantes de falsificação, e pode ser conferida simplesmente ligando para o atendimento ao cliente da fabricante ou consultando seu catálogo de produtos.

Certificações

As peças originais passam por diversos testes para terem suas características comprovadas, recebendo certificados de qualidade de órgãos governamentais e organizações do setor automotivo, como:

Ao não constar menções a uma dessas instituições, a probabilidade de a peça ser falsa é grande.

Embalagem

Se a embalagem estiver violada, amassada, remendada com fitas adesivas ou se os dados forem incompatíveis com o produto (modelo, fabricante, numeração e até datas de fabricação), a peça pode não ser original ou estar com sua integridade comprometida (ser usada ou danificada).

Características técnicas

Se você já conhece a peça original ou tem uma amostra dela, retirada diretamente do veículo, logo ao receber o produto falsificado você notará as diferenças no peso, nas dimensões, na furação, na montagem e na qualidade das matérias-primas.

Acabamento

Por fim, o acabamento de uma peça falsificada não tem o mesmo nível de perfeição de uma original, contendo rebarbas, roscas mal delineadas, desproporções ou pintura borrada. Afinal, para alcançar os mesmos patamares de precisão, seria necessário um grande investimento em tecnologia de fabricação, o que inviabilizaria a falsificação.

Ao notar um ou mais desses sinais, a probabilidade de que a mercadoria recebida seja falsa é grande. Nesse caso, é necessário enviá-la de volta ao fornecedor para que você possa ter o reembolso do que pagou.

No tópico seguinte, veja quais são os procedimentos corretos para a devolução da compra.

Como fazer para devolver uma peça comprada online?

Ao comprar uma peça ou qualquer outro produto pela internet, você tem o direito de fazer a devolução dos itens e ter o reembolso do valor pago, sem precisar arcar com os custos dos fretes. Ainda mais se a mercadoria vier com defeitos ou não corresponder ao que foi comprado.

Mas mesmo que você tenha errado na hora de escolher a mercadoria, é possível trocá-la ou devolvê-la após a constatação do equívoco. O Código de Defesa do Consumidor (Lei nº 8.078/1990), em seu artigo 49, garante ao comprador o direito de desistir do produto sempre que ele for comprado fora do estabelecimento comercial.

No entanto, é preciso observar os trâmites abaixo para que a devolução possa ocorrer da melhor forma possível, a fim de que você receba seu reembolso sem maiores dificuldades. Esses procedimentos podem mudar conforme o fornecedor. Portanto, antes de finalizar o negócio, confira as regras no site de compras.

Recuse a mercadoria na entrega

Ao receber os produtos, confira se estão todos em ordem e de acordo com o que foi comprado. Veja se as descrições, as quantidades e os valores na nota fiscal batem com os do pedido.

Ao notar que um produto veio com a embalagem violada, sem alguns componentes ou com qualquer outro tipo de vício, recuse o recebimento e devolva-o ao transportador, anotando no verso da nota fiscal o motivo. Depois, notifique o vendedor para trocar a mercadoria ou receber seu dinheiro de volta.

Reclame com o fornecedor imediatamente

Caso você não tenha reparado esses detalhes na hora da entrega, entre em contato com o fornecedor imediatamente após perceber o problema, por qualquer meio disponibilizado no site. A obrigação de se certificar sobre a qualidade e a integridade da mercadoria, até o momento da entrega, é toda do vendedor.

Contate o vendedor em até sete dias

As devoluções por insatisfação ou arrependimento são garantidas se solicitadas em até sete dias corridos após o recebimento dos produtos. É preciso estar com a embalagem na qual a peça foi enviada — ela não pode apresentar sinais de uso e deve estar acompanhada da nota fiscal de venda.

Como você pôde ver, a devolução de um item, seja por falsificação, defeito ou insatisfação, é uma dor de cabeça que só atrasa a entrega do seu serviço e pode levar a discussões com o fornecedor. Por isso, o melhor é evitar essa situação, comprando de lojas e marcas reconhecidas. Confira algumas indicações nossas no próximo tópico.

Onde comprar peças online?

Para quem está começando a fazer suas compras pela internet, pode ser difícil reconhecer de primeira os sites confiáveis de comércio eletrônico. E, como vimos no tópico anterior, o melhor é se prevenir, já que adquirir um produto online com problemas pode prejudicar sua oficina.

Além disso, encontrar as boas lojas evitará ao máximo o descumprimento de prazos de entrega, pois elas costumam ter mais de uma alternativa para o envio de suas mercadorias.

Por fim, outra vantagem dos sites de grandes vendedoras ou distribuidoras de peças automotivas é a possibilidade de entrega para todo o Brasil. Sendo assim, abaixo listamos algumas lojas para você comprar peças online em todo o território nacional, a fim de que você pesquise as melhores condições e faça suas compras com segurança.

KDaPeça

O KDaPeça é o canal de vendas online da Distribuidora DPK de peças automotivas e acessórios para as linhas leve e pesada, uma das maiores do Brasil em seu ramo. Por conta disso, a plataforma conta com um catálogo eletrônico variado, com cerca de 90 mil fotos, fichas técnicas, vídeos e códigos originais de mais de 120 mil itens de 379 das melhores fabricantes do país.

Suas funcionalidades incluem a busca do produto por nome, apelido, código de fábrica ou aplicação (marca e modelo do veículo). Além disso, permite comparar preços de marcas diferentes, converter códigos, montar orçamentos já com a sua margem de lucro escolhida e realizar a compra das peças, com entrega para todo o território nacional.

MercadoCar

A MercadoCar é uma marca bastante conhecida na cidade de São Paulo (SP) pela variedade de produtos e bons preços. Ainda, a rede ficou famosa por ter uma loja aberta 24 horas e por ser a maior varejista de autopeças da América Latina.

Trabalha com comércio eletrônico e por telefone, negociando peças, partes e acessórios para motocicletas e veículos de linha leve e pesada.

Jocar

Outra rede famosa na capital paulista é a Jocar Peças e Acessórios para Veículos. Sua loja virtual já funciona há bastante tempo, tendo ótimas avaliações dos clientes. Vende peças, acessórios e partes para tuning para diversos modelos de motocicletas e automóveis.

Fras-le

O Compre Fras-le é o site de vendas de peças oficial da Fras-le, fabricante de materiais de fricção, uma das cinco maiores do mundo. Nele é possível adquirir as peças de reposição originais da marca.

O site faz parte do Canal da Peça, um marketplace online que reúne lojistas do Brasil inteiro e se propõe a garantir a segurança e a satisfação dos compradores.

MixAuto

A MixAuto é a loja virtual de um centro automotivo paulistano. Ela especializada em acessórios, som, iluminação e segurança para automóveis, além de peças originais para os veículos das principais montadoras nacionais.

A marca tem uma tradição de mais de 10 anos no mercado, tendo boas avaliações para seu serviço de comércio eletrônico.

Connect Parts

Antiga Dakota Parts Imports, a Connect Parts tornou-se uma das maiores vendedoras da América Latina, trabalhando com peças mecânicas e elétricas de reposição, além de acessórios automotivos nacionais e importados.

Com a autoridade de quem também é atacadista, a Connect Parts faz vendas para todo o Brasil das melhores marcas de autopeças para os veículos de 40 montadoras diferentes que atuam no país.

Além dessas empresas, a internet nos permite o acesso aos sites de importadores e lojas virtuais ao redor do mundo que fazem remessas de peças importadas diretamente para o Brasil.

Mas há diferenças entre peças nacionais e importadas? Depende do caso. Falaremos sobre isso a seguir.

Qual a diferença de uma peça nacional para importada?

Donos de oficinas do Brasil inteiro e seus clientes sofrem, em determinados casos, com os valores de algumas peças que só encontradas em concessionárias da montadora do veículo. Como são fornecedores exclusivos e vendem em pequenas quantidades, os valores praticados chegam a impedir que o serviço seja autorizado pelo proprietário.

Por isso, muitos estabelecimentos recorrem à internet para procurar por peças equivalentes e comprá-las diretamente de fornecedores no exterior. Essa prática é válida para uma situação como a descrita acima, que geralmente ocorre com modelos importados, que ainda não contam com fabricantes de peças originais no país.

No entanto, os valores da cotação do dólar (US$), do frete e dos impostos influenciam muito no preço final em uma compra de autopeças importadas, podendo elevá-lo bem acima do previsto. E na grande maioria dos casos, os componentes fabricados no Brasil oferecem mais benefícios do que os trazidos de fora.

As vantagens de comprar peças nacionais

A compra de peças nacionais, além de fomentar a indústria do país e gerar empregos, é vantajosa tanto para a oficina mecânica quanto para seus clientes. Veja quais são alguns dos benefícios diretos que os fabricantes brasileiros oferecem:

  • prazos de entrega mais rápidos;
  • menor burocracia para a compra;
  • preços mais em conta e sem imprevistos;
  • qualidade certificada dentro de parâmetros internacionais;
  • facilidade no exercício da garantia dos produtos.

Ou seja, além de não ficarem para trás nos quesitos qualidade e eficiência, as peças originais fabricadas no país são mais baratas e dão uma tranquilidade maior sobre sua durabilidade, pois os serviços de atendimento dessas marcas estão prontos para prestar auxílio a seus clientes no caso de algum problema com o produto.

Já as importações, apesar de muitas vezes se mostrarem mais baratas, estão sujeitas a taxas alfandegárias e à cobrança de impostos federais e estaduais que não estão inclusos no preço. Sem contar o valor do frete, que pode ficar mais caro do que a peça em si. Outro custo para comprar no exterior é a contratação de um despachante para mexer com a documentação de entrada.

Sendo assim, não faz muito sentido optar pela importação quando há uma alternativa de peça original fabricada no Brasil. Afinal, a internet, que tornou a compra do exterior possível, facilitou ainda mais a aquisição de produtos nacionais. Portanto, mais vale aproveitá-la para pesquisar peças de dentro do país.

Se você está se perguntando se existe alguma diferença na compra online para a realizada em lojas físicas, mostraremos no próximo item deste post como não é preciso ter essa preocupação.

E faz diferença comprar peças online?

Se formos falar sobre as diferenças em fazer suas compras online ou junto aos fornecedores locais, será para mostrar os benefícios que a internet proporciona. Ou seja, podemos citar o acesso a um maior número de vendedores, a preços mais em conta e a marcas de produtos atuantes em qualquer ponto do país.

Quanto à segurança, vimos que os riscos já não são tão grandes e há como se prevenir no ambiente virtual, tornando-o mais seguro do que mexer com dinheiro em espécie ou cheques, por exemplo.

Já em relação à qualidade das peças, não há diferença alguma. Os produtos ofertados online são exatamente os mesmos que são vendidos nas lojas físicas e, se comprados de sites confiáveis, não há com o que se preocupar. É como qualquer outro pedido à distância, como os feitos por telefone, que você já deve ter realizado na sua oficina.

Portanto, seguindo nossas dicas de segurança, comprando de empresas sérias e certificando-se de ter recebido os componentes certos e originais, como em qualquer encomenda, não há diferença entre realizar compras pela internet ou em lojas físicas.

Como deu para perceber, comprar peças online é vantajoso para a sua oficina e aumenta a satisfação de seus clientes. Ao ter acesso a um maior número de fornecedores, é possível adquirir produtos das melhores fabricantes nacionais. Assim, será possível garantir a qualidade e a eficiência das peças de reposição utilizadas em sua oficina.

Este artigo foi útil para você? Quer ler mais dicas sobre o mercado de autopeças? Então, assine nossa newsletter e receba as novidades do blog diretamente em seu e-mail!