Descubra agora quais as diferenças entre motor turbo e motor aspirado

Os carros podem ser considerados um dos principais meios de transporte nos grandes centros urbanos e até mesmo nas rodovias. Isso se deve ao fato dos vários benefícios proporcionados por eles, como mais conforto ao realizar pequenos e grandes deslocamentos, por exemplo. A esse respeito, vale destacar que mesmo para aqueles que não têm nenhuma noção sobre assuntos da manutenção mecânica e dos sistemas do veículo, há alguns temas que valem a pena aprender para ter uma certa noção. Entre eles, podemos citar os tipos de motores que podem vir contidos no seu carro: motor turbo e motor aspirado.

Cada um tem algumas particularidades e modos diferentes de funcionamento que são importantes no momento de optar por qual modelo mais atenderá melhor às suas necessidades em uma possível compra de veículo.

Sendo assim, para ajudá-lo nesse assunto, preparamos este texto com as principais informações sobre os dois tipos de motores. Continue a leitura e fique por dentro de tudo!

O que é um motor turbo e como funciona?

A princípio, o primeiro ponto que justifica sua funcionalidade é que esse tipo serve para fornecer mais potência sem necessariamente ter que aumentar as dimensões do motor. Para que você possa entender como isso é possível, vale lembrar que o rendimento alcançado está diretamente ligado à quantidade de massa de ar que o mecanismo de admissão consegue aspirar por ciclo de combustão. Dessa forma, o turbo tem a função de comprimir o ar antes do processo de admissão.

Como efeito, mais massa de ar entra na câmara de combustão, gerando uma maior potência na queima de combustível. Quanto a sua forma de funcionamento, o turbo utiliza os gases oriundos do escape como meio de propulsão. Ou seja, fazendo com que eles girem a turbina a uma rotação de até 150.000 rpm. Essa turbina tem seu eixo de rotação conectado a uma outra que produz uma massa de ar fresco que é direcionado para dentro do motor. 

Por essa massa de ar ser comprimida, acaba mandando para dentro da câmara de combustão uma maior concentração de gás oxigênio, composto esse fundamental para a queima de combustível. Vale pontuar que esse processo também pode fazer com que a combustão ocorra mais cedo, o que ocasiona a famosa “batida de pino”. Por conta disso, o conjunto do turbocompressor quase sempre vem acompanhado do intercooler. 

Ele é um componente que se parece com um radiador, tendo a finalidade de refrigerar o ar, bem como manter a mistura na temperatura certa. No mercado atual, já é possível encontrar diversos mecanismos avançados que utilizam o princípio base do motor turbo para sua operação. Por proporcionarem várias vantagens, eles estão ganhando espaço na engenharia dos novos veículos, o que nos revela que vão ficar por muito tempo no mercado automobilístico. 

O que é um motor aspirado e como funciona?

Quanto ao motor aspirado, podemos destacar que ele é o mais utilizado na fabricação dos automóveis convencionais. Além do mais, diferenciando do motor turbo, ele não sofre interferência de um mecanismo secundário para aumentar a taxa dinâmica do motor. Desse modo, percebe-se que esse tipo de motor foi criado para que sua força motriz seja proporcionada pela queima de ar e combustível em um sistema de admissão menos complexo. 

Com isso, a potência é determinada pelo curso dos pistões, taxa de compressão, bem como o diâmetro da câmara de combustão. Ao considerar as características funcionais desse tipo de motor, percebe-se que a obtenção de uma potência maior só é possível aumentando as dimensões da câmara de combustão e das peças internas, como pistões, anéis, válvulas etc. 

Isso porque só assim é possível ter um perfil propulsor que consiga misturar mais ar e combustível, bem como uma maior compressão e geração de mais potência. Nas oficinas de preparação, há um trabalho técnico muito interessante em que é possível aumentar a força do motor sem necessariamente ter que trocar todo o conjunto. Nesse caso, como a intenção é preparar o veículo para níveis de competição, há uma alteração em suas peças originais. 

Entre os procedimentos, é substituído o conjunto de válvulas por outras maiores, aumenta-se os dutos de escape para diminuir a resistência dos gases na fase de escape. Essas e outras modificações são capazes de aumentar os valores de cavalos entregues pelo veículo. Mesmo que existam rumores de que os motores aspirados estão no caminho para serem extintos, o que percebemos é que esse tipo ainda é bastante aceito no mercado e tem equipado vários modelos atuais. 

Na prática, quais os pontos que diferenciam o motor turbo do motor aspirado?

A esta altura você já deve ter uma melhor noção sobre como funciona cada modelo de motor. Mesmo assim, convém falarmos sobre algumas diferenças pontuais. A esse respeito, quanto à manutenção, os motores turbo exigem uma atenção muito mais completa que os aspirados. Isso porque trabalham em uma temperatura mais alta e, caso ocorra alguma avaria, os custos podem ser bem mais altos. 

Por outro lado, como você já deve ter percebido, os motores turbo são capazes de entregar uma maior potência. Por conta disso, as respostas do carro em médias e altas rotações são muito mais expressivas. Em se tratando do consumo de combustível, também percebemos algumas diferenças. Desse modo, nos modelos atuais, os fabricantes estão destacando como vantagem um melhor desempenho dos motores turbo em relação à potência gerada e o consumo. 

Isso porque, com as novas tecnologias, é possível fabricar um veículo com motor 1.0 litros, por exemplo, que tem a potência de um carro aspirado 2.0 litros — e isso, é claro, influencia na economia de combustível.

Essas foram as principais informações acerca do que é um motor turbo e um motor aspirado, além das suas diferenças mais notáveis. Percebe-se que cada tipo tem formas diferentes de admissão da mistura ar/combustível, sendo o motor turbo um mecanismo mais efetivo para gerar performance e desempenho em carros esportivos, e também em veículos populares. 

Gostou do artigo? Então, assine a nossa newsletter e fique por dentro de todas as nossas atualizações sobre o mundo automobilístico!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Ops! Captcha inválido, por favor verifique se o captcha está correto.

Fale o que você pensa