Desafios e dicas para o transporte de cargas pesadas

O serviço de transporte de cargas pesadas pode se tornar bastante desafiador para quem trabalha com esse segmento. Afinal, deslocar um volume elevado de mercadorias de grande porte exige várias estratégias de organização e de controle no que diz respeito à logística. Há uma lista de fatores que devem ser considerados, que incluem o tipo de carga transportada (nível de fragilidade e de resistência), bem como o peso e o volume ocupado.

Dependendo da situação do trajeto e das condições do veículo, o deslocamento de cargas pesadas pode gera problemas que comprometerão a qualidade do serviço. Como é o caso de danos às peças ou aos produtos transportados. Para que isso seja evitado, o profissional precisa saber lidar com cada situação e propor ações que minimizem as chances de erros e problemas no trabalho, trazendo mais segurança à carga.

Por isso, preparamos este artigo contendo informações sobre os principais desafios do transporte de cargas pesadas e dicas para realizá-lo de forma eficaz. Continue a leitura e fique por dentro de tudo!

Como funciona o transporte de cargas pesadas no Brasil?

Antes de mais nada, é importante ressaltarmos o que são cargas pesadas. Em um contexto geral, esse termo se refere a todas as mercadorias que exigem grande esforço para serem deslocadas. Dessa forma, podemos citar:

  • equipamentos elétricos;
  • guindastes;
  • vagões;
  • equipamentos e componentes de uso industrial ou da construção civil;
  • veículos de grande porte, embarcações e aeronaves.

Quanto à funcionalidade do transporte de cargas pesadas no Brasil, a maioria ocorre pelo sistema rodoviário, utilizando o caminhão como principal recurso.

Nesse contexto, os profissionais da área enfrentam vários desafios ligados à infraestrutura e à segurança, como a baixa qualidade das vias de algumas regiões nacionais. Apesar dos problemas, o abastecimento e a distribuição de cargas dentro do país são predominantemente realizados por veículos terrestres.

Quais são os principais desafios no transporte de cargas pesadas?

Confira agora os principais desafios encontrados nesse tipo de transporte!

Segurança

Infelizmente, um dos principais problemas ligados ao transporte de qualquer modalidade de carga em solo brasileiro é a falta de segurança pública e a baixa infraestrutura de várias estradas nacionais.

Nesse sentido, com base em uma pesquisa realizada pelo Comitê de Transportes de Cargas do Reino Unido, o Brasil é o sexto país classificado como mais perigoso no que se refere aos serviços de transporte de cargas pesadas (numa lista de 57 colocados).

Burocracia

Um impasse presente nesse tipo de serviço é a grande burocracia. Desse modo, para que uma empresa inicie suas atividades na área, é preciso estar em conformidade com diferentes órgãos em âmbito municipal, estadual e federal.

Outro fato é que, no decorrer dos anos, surgem novos projetos que alteram leis direcionadas ao transporte de carga, exigindo que os gestores fiquem sempre atentos às exigências da legislação atual.

Vale lembrar que as empresas ainda enfrentam possíveis modificações nas taxas e restrições de tráfego em rodovias federais e estaduais. Por isso, os profissionais devem estar constantemente atentos às novidades em seu setor de distribuição.

Preços

Quando falamos de gastos com transporte de carga, é comum haver a associação aos altos preços de combustíveis encontrados no mercado brasileiro. De fato, o combustível vendido no país é considerado um dos mais caros da América do Sul.

No entanto, não é só esse fator que responde aos custos de transporte nacional. Os valores de peças de reposição e os gastos com manutenção dos caminhões são bastante altos, o que compromete o fluxo de caixa das empresas que operam nesse segmento.

Quais são as principais dicas para realizar o transporte de cargas pesadas?

Confira agora as principais dicas para efetuar o transporte de cargas pesadas com eficiência e segurança!

Escolher o modal ideal

Um fator importante dentro desse contexto é definir um tipo de transporte para atender de forma ideal à sua necessidade. Essa decisão deve ser tomada com base em muito estudo e pesquisa para que a opção escolhida seja a mais eficiente e com uma boa relação custo-benefício.

Dessa forma, é preciso levar em conta alguns pontos específicos:

  • nível de urgência da entrega;
  • qual modal atende melhor ao percurso até o ponto final de abastecimento;
  • se o transporte escolhido garante a segurança e a integridade da carga até o destino final.

Selecionar o veículo correto

Ligado ao tema abordado no tópico anterior, é necessário também definir o veículo ideal. Caso a modal escolhida seja rodoviária, por exemplo, você deverá encontrar o modelo de caminhão que melhor atenderá à sua demanda. No mercado, já existem inúmeros tipos que permitem realizar adaptações para melhor realizar o trabalho de frete.

Ficar atento às condições do veículo

Ao escolher qual modelo será mais útil para o tipo de transporte, é importante ficar atento às condições de uso do caminhão. Para garantir a efetividade das entregas, o cumprimento dos prazos e a segurança da carga, o veículo deve estar em bom estado de conservação.

Dessa forma, assim como nos veículos leves, a revisão automotiva é importante. No caso de veículos pesados, essa medida com fins preventivos se torna fundamental. Vale destacar que o emprego de caminhões de carga antigos pode não ser uma boa escolha para determinados tipos de mercadorias, já que tendem a gerar maiores prejuízos e problemas mecânicos.

Ao que é preciso ficar atento?

A essa altura, você já deve ter notado que o transporte de carga pesada é um trabalho muito complexo, que exige bastante conhecimento técnico e profissional dos trabalhadores.

É importante dizer que os indivíduos que operam nesse setor devem estar sempre antenados às novidades do segmento. O objetivo é conhecer as inovações e as novas tecnologias empregadas para facilitar o serviço e elevar a eficiência.

Isso porque os profissionais que não se preocupam com essa questão podem perder grandes oportunidades de aperfeiçoar as suas ferramentas de trabalho. Com isso, não consolidam a marca no mercado. Sendo assim, esteja sempre atento às novidades que aparecem em seu segmento.

Evite os riscos, proteja a sua carga

Essas foram as principais informações acerca dos desafios e dicas para o transporte de cargas pesadas. Percebe-se que, mesmo parecendo ser um trabalho complexo, ao investir na especialização, no conhecimento e na manutenção preventiva, é possível minimizar os riscos e os problemas comuns nessa modalidade de serviço.

Gostou do artigo? Então, compartilhe-o nas redes sociais para que seus amigos e familiares fiquem por dentro desse tema!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.